Drenagem Linfática

DRENAGEM LINFÁTICA MANUAL

 É uma técnica que tem como objetivo drenar o excesso de líquidos estagnados em uma área, pois estimula o sistema linfático, ajuda ativar o sistema imune, eliminar resíduos metabólicos, toxinas do corpo, reduz o excesso de fluídos e promove relaxamento. A Drenagem Linfática facilita o escoamento da linfa para a corrente sanguínea onde será posteriormente eliminada, principalmente, pela urina.

A linfa é um líquido incolor que tem a função de filtrar as impurezas do sangue (toxinas) e circula no organismo por uma rede de vasos microscópicos- vasos linfáticos.

Benefícios:

– Ativa a circulação sanguínea

– Melhora a oxigenação das células

– Estimula a imunidade (aumento da produção de linfócitos)

– Melhora a ação antiinflamatória

– Aumenta o potencial reparador das células e dinamiza os processos catalisadores de uma boa cicatrização, todos perdurando por horas mesmo após a drenagem cessada.

 Como se faz:

A drenagem linfática é realizada em dois processos, a evacuação, que consiste em desobstruir os gânglios e as demais vias linfáticas, e a captação, que consiste em realizar de fato a drenagem com movimentos lentos, suaves e precisos.

Indicações:

– Pré e pós- operatórios como: mamoplastias, cirurgias de varizes, faciais, entre outras;

– Período pré-mentrual;

– Edema, edema gestacional e linfedema;

– sensação de cansaço nas pernas;

– Acne;

– Coadjuvante na eliminação de celulites, pois todo processo de formação da celulite se inicia com a retenção hídrica que acarreta a má
oxigenação dos tecidos e acúmulo de toxinas no local

E é contra- indicado em:

– Infecções agudas;

– Insuficiência cardíaca;

– Trombose;

– Hipertensão;

– Câncer;

– Asma brônquica;

– Bronquite asmática;